Anuncie - Todo mundo VÊ!
whatsapp

(18) 99132.5461

A saída dos médicos cubanos está comprometendo o atendimento nas Unidades de Saúde de Ilha Solteira?

Sim - 58.9%
Não - 41.1%

Total de Votos: 56
The voting for this poll has ended ligado: 30 Nov 2018 - 00:00

Mais de 10 mil eleitores ainda não fizeram a biometria em Ilha Solteira

Douglas Cossi Fagundes
Da Redação

 

Mais de dez mil eleitores ainda não fizeram o recadastramento biométrico em Ilha Solteira. Dos 25 mil eleitores aptos a votar na cidade, 14,5 mil foram até o Cartório Eleitoral para a migração para o novo sistema de votação.

No sábado (11), o Cartório Eleitoral realizou um novo mutirão para acelerar a biometria entre os eleitores de Ilha Solteira. 136 foram até o local, número que preocupa. “Nesse ritmo, teremos que recadastrar, pelo menos, oitenta eleitores diariamente, para não termos problemas no período final de revisão, que acaba em novembro”, disse o chefe do Cartório Eleitoral, Rodrigo Fernando de Mendonça Furtado.

Os eleitores ilhenses terão até 29 de novembro deste ano para comparecerem ao Cartório Eleitoral. Além da revisão, o eleitor ainda fará o cadastro biométrico. O novo sistema será utilizado na eleição de 2020. O processo é rápido, e leva de 20 a 25 minutos, em média.

A Justiça Eleitoral adotou a biometria para garantir ainda mais segurança ao processo eleitoral. A implantação no país vem sendo gradual, já que é necessário convocar todo o eleitorado para a revisão biométrica.

O cadastramento biométrico é feito com utilização do chamado "Kit Bio", composto de dispositivo de captura de fotos, escâner para captura de digitais, maleta de transporte e cenário (mini-estúdio fotográfico com assento).


ABBS - Eleitores que votam na escola municipal “Aparecida Benedita Brito da Silva”, mas que não moram na zona sul, também terão que refazer a biometria.

Segundo Rodrigo Furtado, todos os eleitores que já fizeram a biometria, e votavam nas seções existentes nas escolas Léa Silva Moraes e Urubupungá, terão que fazer o recadastramento. Isso porque a cidade ganhará novos ocais de votação a partir de 2020. “As escolas Léa Silva Moraes e Urubupungá não serão mais usadas como locais de votação. Ilha Solteira ganhará novos locais, na zona norte e no Jardim Aeroporto. E estamos reagrupando os eleitores. Quem vota na ABBS, e não mora na zona sul, também terá que refazer a biometria”, disse Furtado.

 

Receba notícias de Ilha Solteira pelo Whatsapp

Quer receber notícias no seu celular sem pagar nada? 1) adicione este número à agenda do seu telefone: 18 99132-5461; 2) envie uma mensagem para este número por WhatsApp, informando seu nome


O www.ilhadenoticias.com não autoriza a reprodução parcial ou integral deste texto

Os comentários postados neste texto são de inteira responsabilidade do seu autor, já que estão diretamente ligados a sua conta no facebook

Google+