ilhadenotícias - #anuncie!
whatsapp

(18) 99132.5461

Os retornos da Avenida Brasil devem ser reabertos?

Sim - 72.9%
Não - 27.1%

Total de Votos: 328
The voting for this poll has ended ligado: 11 Mar 2018 - 00:00

Após cinco meses de Governo, Otávio vive expectativa da volta do pai

Douglas Cossi Fagundes
Da Redação

Otávio Gomes, prefeito em exercício de Ilha Solteira 

 

Após cinco meses de Governo, o prefeito Otávio (DEM) vive a expectativa da volta do pai, o prefeito licenciado Edson Gomes (PP), que está preso desde 28 de março. O Supremo Tribunal de Justiça (STJ) julga nesta terça-feira (12) dois pedidos de habeas corpus que podem colocá-lo em liberdade e no comando da Prefeitura.

 

Entre os aliados do prefeito licenciado e de integrantes do Governo, o clima é de vitória nesta terça-feira. Tanto, que algumas decisões vem sendo adiadas, para sejam tomadas por Edson Gomes, caso ele volte ao comando do Município.

Otávio Gomes também crê na liberdade do pai. E já projeta a sua participação no eventual futuro Governo. Ele não deve assumir nenhum cargo, ficando apenas como vice-prefeito. Mas deve ter papel de destaque na administração, atuando como uma espécie de “gerente”.

A eventual volta do prefeito licenciado também vem causando apreensão na equipe montada por Otávio Gomes. É que trocas serão inevitáveis e alguns devem perder o cargo. Edson Gomes não só quer abrigar antigos aliados na administração, como usar a recomposição para garantir apoio na Câmara.


Julgamento - O Superior Tribunal de Justiça (STJ) julgará os habeas corpus impetrados pela defesa do prefeito afastado Edson Gomes (PP), que está preso desde o final de março, acusado de atrapalhar as investigações dos processos que apuram supostas irregularidades na contratação de shows para a FAPIC 2010 e na compra de equipamentos de proteção individual (EPIs).

Uma vitória no STJ também garantirá liberdade ao ex-diretor de Cultura, Nilson Nantes, e o empresário Uesley Severo, presos desde o final de novembro, também acusados de atrapalharem as investigações, mas apenas referente ao processo que apura supostas irregularidades na contratação de shows para a FAPIC 2010.

Edson Gomes está preso desde o final de março. Caso ele não consiga a liberdade, a expectativa é que sua defesa faça um novo pedido de licença ao legislativo. O primeiro, de seis meses, vence no início de outubro.


Receba notícias de Ilha Solteira pelo Whatsapp

Quer receber notícias no seu celular sem pagar nada? 1) adicione este número à agenda do seu telefone: 18 99132-5461; 2) envie uma mensagem para este número por WhatsApp, informando seu nome


O www.ilhadenoticias.com não autoriza a reprodução parcial ou integral deste texto

Os comentários postados neste texto são de inteira responsabilidade do seu autor, já que estão diretamente ligados a sua conta no facebook

Google+