ilhadenotícias - #anuncie!
whatsapp

(18) 99132.5461

A saída dos médicos cubanos está comprometendo o atendimento nas Unidades de Saúde de Ilha Solteira?

Sim - 58.9%
Não - 41.1%

Total de Votos: 56
The voting for this poll has ended ligado: 30 Nov 2018 - 00:00

Mostra: Ilha Solteira “respira” teatro até sábado

Douglas Cossi Fagundes
Com informações do Departamento de Cultura

 

A partir desta quarta-feira (25), Ilha Solteira respira. Até sábado (28), o público poderá assistir dez peças, todas com entrada gratuita. Companhias teatrais de várias cidades participam. A promoção é do Departamento de Cultura e da Fundação Cultural de Ilha Solteira, com apoio do Governo do Estado.

 

A Mostra, que está em sua quinta edição, terá peças voltadas aos mais diferentes públicos, em espaços como a Casa da Cultura e a Praça da Integração.
A maratona teatral começa na quarta-feira (25), com a Cia. Cênica de Teatro, da cidade de São José do Rio Preto, apresentando duas peças distintas na Casa da Cultura. De manhã, às 10h, a atração é a peça infantil “Por Que”. Já às 20h, a peça é “Sabiás do Sertão”.

Já a quinta-feira (26), começa com a apresentação da peça infantil “Mais Alguma Coisa? Sim”, do Grupo Manifesta. À noite, às 20h, será a vez de “Na Ponta da Ponte Novo Oriente”, da Cia Cid Chaves de Teatro, da cidade de Pereira Barreto. As apresentações serão na Casa da Cultura.

Na sexta-feira (27), serão apresentadas mais três peças. Às 10h, a atração é “Praça de Retalhos”, infantil da Cia Jovem Cena, de Ilha Solteira. Já às 19h, será a vez do espetáculo circense “Hoje Tem Espetáculo”, na Praça da Integração, com a cia Rosa dos Ventos, de Presidente Prudente. Em seguida, acontece a comédia “Maldito Benefício”, da Kavantan e Associados, com Ricardo Corte Real e Leonardo Cortez, que chega a Ilha Solteira através do Circuito Cultural Paulista. A apresentação acontece na Casa da Cultura.

Três peças encerram a 5ª Mostra de Teatro de Ilha Solteira no sábado (28). Às 10h, na Casa da Cultura, o Projeto Teatro Escola, de Ilha Solteira, apresenta o espetáculo “Adeus Fadas e Bruxas”. Às 19h, na Praça da Integração, será apresentado o show de ilusionismo “Meu Mundo Inimaginável”, com Marcelo Beutrin, de Araçatuba. Por fim, às 20h30, acontece a peça “MundoMudo”, com a Cia Azul Celeste, de São José do Rio Preto, na Casa da Cultura.


POR QUÊ?
Quarta, às 10h00, na Casa da Cultura – Infantil – Livre



Uma praça pública. Todos os dias, à mesma hora, quatro simpáticos senhores e senhoras reúnem-se para, ao som do violão do Sr. Coreto, vivenciar situações inusitadas, engraçadas e profundamente alegóricas. “Por quê?” propõe uma reflexão sobre valores humanos, éticos e sociais em relação a um futuro irremediável para a maioria de nós. Cia Cênica – São José do Rio Preto.


SABIÁS DO SERTÃO
Quarta, às 20h00, na Casa da Cultura – Adulto – 14 anos



“Sabiás do Sertão – teatro musical brasileiro em um ato, uma chegança e uma andança” trata dos expoentes maiores da música caipira, Cascatinha & Inhana, primeira dupla sertaneja formada por marido e mulher que, em sua trajetória, reverencia com primazia a cultura de raiz, o ser, estar e viver circense, o prazer da canção e do encantamento. O picadeiro vazio, o artista pleno. Arma-se a lona, abrem-se as veredas. Cia Cênica – São José do Rio Preto.



MAIS ALGUMA COISA? SIM!
Quinta, às 10h00, na Casa da Cultura – Infantil – Livre



Um mundo em que a vontade está nas mãos, nos pés e no coração, onde o objetivo da vida é realizar nossos sonhos. O espetáculo teatral “Mais Alguma Coisa ? Sim.” é este lugar. Difícil foi encontrá-lo, estava dentro de uma bolha de sabão. Junto com suas roupas com vida própria, o Palhaço Maluco tenta começar o espetáculo. Grupo Manifesta – São Bento do Sapucaí.


NA PONTA DA PONTE NOVO ORIENTE
Quinta, às 20h00, na Casa da Cultura – Adulto –10 anos



Um velho imigrante japonês relata sua trajetória para a neta. Sua própria história é retratada, com elementos da cultura nipônica, em apresentações de danças típicas, como o butô, de lutas, como o kendo, e até da técnica teatral de manipulação de bonecos, conhecida como bunraku - contudo, na cena, os atores substituem bonecos por humanos. Cia Cid Chagas de Teatro - Pereira Barreto.


PRAÇA DE RETALHOS
Sexta, às 10h00, na Casa da Cultura – Infantil – Livre



Um homem, ao passar por uma praça, fica indignado com a quantidade de papeis, latas e garrafas jogados no chão. Com a ajuda das pessoas que por ali transitam irá transformar tudo em coisas úteis e criativas, retomando a beleza da praça. Cia Jovem Cena – Ilha Solteira.


HOJE TEM ESPETÁCULO
Sexta, às 19h00, na Praça dos Paiaguás – Circo – Livre



“Hoje Tem Espetáculo” é apresentado por um músico (Nicochina) e quatro palhaços (Dez Pras Sete, Custipíl, Beterraba e Tiuria) que se revezam nas funções de artistas de circo, criando um espetáculo que une elementos da cultura circense como, malabarismo, acrobacias, monociclo e atirador de facas a grandes palhaçadas. Cia Rosa dos Ventos – Presidente Prudente.


MALDITO BENEFÍCIO
Sexta, às 20h30, na Casa da Cultura– Comédia Adulta – 14 anos



Um velho aposentado recebe da Previdência Social um comunicado que anuncia a concessão de um benefício que poderá solucionar todos os problemas financeiros do filho taxista. No entanto, sua doença terminal pode impedir o acesso ao dinheiro, o que desencadeia nos membros da família uma série de comportamentos moralmente reprováveis. Kavantan e Associados – São Paulo.


ADEUS FADAS E BRUXAS
Sábado, às 10h00, na Casa da Cultura Rachel Dossi – Infantil – Livre



“Adeus Fadas e Bruxas” é uma peça do ator e dramaturgo Ronaldo Ciambroni, e narra as peripécias que acontecem em Encantalha, “a cidade que mora dentro da nossa cabeça, pertinho do nosso pensamento”. Neste local especial, os personagens encantados tradicionais, como fadas, bruxas, duendes, mágicos, príncipes e princesas, tentam sobreviver ao avanço dos heróis modernos: os brinquedos eletrônicos e os computadores. Projeto Teatro Escola – Ilha Solteira.


MEU MUNDO INIMAGINÁVEL
Sábado, às 19h00, na Praça da Integração – Ilusionismo – livre



As cortinas se abrem e lá está Mr. Klaus, seu partner, reinventado por Marcelo Beutrin, sentindo que, sendo o inseparável companheiro do artista, está pronto para atendê-lo. Inusitada e bem humorada dupla faz no palco o inimaginável, num grande espetáculo de magia e ilusionismo. Com Marcelo Beutrin – Araçatuba.


MUNDOMUDO
Sábado, às 19h00, na Casa da Cultura – Teatro Adulto – 12 anos


“MundoMudo” investiga a relação cultural entre o velho e o novo por meio dos valores difundidos na sociedade contemporânea. Faz uma reflexão sobre tudo o que nós aprendemos como valor, como crença, como cultura, seja numa dimensão maior ou menor, tornam-se nossas origens de referências que irão comandar nossa consciência e esta determinará nosso comportamento. Cia Azul Celeste – São José do Rio Preto.

 

O www.ilhadenoticias.com não autoriza a reprodução parcial ou integral deste texto

Os comentários postados neste texto são de inteira responsabilidade do seu autor, já que estão diretamente ligados a sua conta no facebook

Prefeitura encerra 2014 com queda de R$ 5 milhões no orçamento

Douglas Cossi Fagundes
Da Redação

Secretários Valentin Gerlim (Obras), Marcos Ferrari (Governo) e Célio Dossi (Administração), em reunião com os funcionários da limpeza (Foto: Prefeitura de Ilha Solteira) 

 

Ilha Solteira arrecadou R$ 5 milhões a menos do que estava previsto em 2014, o que levou a Prefeitura a dotar medidas para diminuir os gastos este ano. Investimentos estão sendo revistos, inclusive em eventos, e os funcionários orientados a diminuirem as despesas.

 

A maior preocupação, no momento, é com a folha de pagamento. Com a queda na arrecadação, o valor gasto com o salário dos funcionários pode ultrapassar o limite imposto por lei, que é de 54% do orçamento, o que obrigaria a Prefeitura a tomar medidas extremas, como a demissão de servidores.

Segundo apurou o ilhadenoticias.com, o temor de que a queda na arrecadação se acentue este ano já levou a Prefeitura a tomar medidas para a diminuição de despesas. Uma delas é a diminuição do pagamento de horas extras.

O prefeito Bento Sgarboza e os secretários de Governo, Marcos Ferrari, e Administrativo, Vélio Dossi, começaram uma série de reuniões com os funcionários da Prefeitura, explicando a real situação em que se encontram as receitas e despesas do Município. “Estamos mostrando que é uma fase em que todos precisam colaborar para que os serviços não caiam de qualidade e nem venham faltar para a comunidade”, disse o secretário de Governo, Marcos Ferrari.

Para este ano, a expectativa é que Ilha Solteira arrecade R$ 117 milhões.


O www.ilhadenoticias.com não autoriza a reprodução parcial ou integral deste texto

Os comentários postados neste texto são de inteira responsabilidade do seu autor, já que estão diretamente ligados a sua conta no facebook

Sub-categorias

Google+