ilhadenotícias - #anuncie!
whatsapp

(18) 99132.5461

Qual o principal problema de Ilha Solteira atualmente?

Mato Alto - 15.8%
Buracos nas Ruas - 49.3%
Infestação Escorpiões/Cobras - 12.5%
Alagamento Avenida/Lombofaixas - 22.4%

Total de Votos: 152
The voting for this poll has ended ligado: 15 Jan 2018 - 00:00

Campanha do Bom Preço beneficia ACAFISA, APAE, Centro Dia e Hospital

Douglas Cossi Fagundes
Da Redação

 

O Supermercado Bom Preço repassou para quatro entidades de Ilha Solteira – ACAFISA, APAE, Centro Dia e Hospital Regional, cerca de 4 toneladas de alimentos arrecadadas durante a 17ª edição da campanha “Gente que Precisa da Gente”.

 

A campanha arrecadou pouco mais de 4 mil quilos de alimentos (a cada R$ 150,00 em compra, um quilo de alimento foi doado), que foram transformadas em 252 cestas básicas. E, assim como no ano passado, entidades de Ilha Solteira foram as beneficiadas, cada uma com 63 cestas. “As entidades me procuraram, pedindo ajuda. Então, resolvemos ajudá-las. Desta forma, também estamos ajudando as famílias da cidade que precisam”, explicou Valmir, proprietário do Bom Preço.

Sobre a campanha, Valmir faz um balanço positivo e afirma que o objetivo é retribuir o que a comunidade faz pelo Bom Preço. “Foi excelente (o resultado). Há cada ano que passa a campanha cresce, o que nos traz muita alegria”, disse Valmir.

Valmir também ressaltou a participação dos clientes do Bom Preço na campanha. “A campanha é um sucesso por que nossos clientes ajudam. É através do que eles compram que conseguimos fazer essa doação”, afirma o empresário.


Histórico – Nas dezessete edições da campanha, foram arrecadados cerca de 80 toneladas de alimentos, que foram transformadas em quase 5 mil cestas.


Receba notícias de Ilha Solteira pelo Whatsapp

Quer receber notícias no seu celular sem pagar nada? 1) adicione este número à agenda do seu telefone: 18 99132-5461; 2) envie uma mensagem para este número por WhatsApp, informando seu nome


O www.ilhadenoticias.com não autoriza a reprodução parcial ou integral deste texto

Os comentários postados neste texto são de inteira responsabilidade do seu autor, já que estão diretamente ligados a sua conta no facebook

Google+